O objetivo deste artigo consiste em recolher memórias da fase senatorial de São José dos Campos, período que compreende a década de 1920 a 1960 em que o município se tornou grande centro de referência do tratamento da tuberculose no Brasil. Utilizou-se como ferramenta a história oral por meio da coleta de memórias da neta do proprietário da primeira pensão que alojou tuberculosos nas mediações dos sanatórios, a fim de atender a grande demanda de pacientes em busca de tratamento. Visa-se recuperar aspectos cotidianos da vida do entorno do sanatório Vila Samaritana (1929), localizado na Rua Paraibuna, zona central da cidade, área que alojava os estabelecimentos especializados no tratamento da tuberculose, procurando privilegiar as memórias periféricas, ou seja, particularmente, aquelas que nos permitem perceber as relações e dinâmicas entrelaçadas ao espaço sanatorial como eixo de referência.

O silencio da memoria;Vida do entorno da Vila Samaritana em São José dos Campos-SP

Tags:, , , , ,

Este trabalho tem como objetivo dissertar sobre o tema, “A Banda de Santana”, citando sua influencia no bairro de Santana, zona norte de São José dos Campos, sua história e como a tradição é passada para as gerações futuras, notando que em 2014 a banda foi preservada pelo COMPHAC – Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Artístico, Paisagístico e Cultural como patrimônio imaterial de São José dos Campos.

Banda de santana; o primeiro patrimonio imaterial preservado em sao jose dos campos-sp

Tags:, , , ,