Notícias

Sessão desta terça (11) tem 65 documentos para votação e 199 para leitura

Entre os processos dirigidos à Prefeitura, estão solicitações para execução de serviços e manutenção em todas as regiões da cidade


Sessão desta terça (11) tem 65 documentos para votação e 199 para leitura

População pode acompanhar a sessão pela galeria ou pela TV Câmara e redes sociais (Foto: Flávio Pereira/CMSJC)

Na 38ª sessão do ano, que acontecerá nesta terça-feira (11) no plenário da Câmara, os vereadores têm 264 processos presentes na pauta e 65 deles podem ser votados – 58 requerimentos, duas moções e cinco atas. Os 199 restantes estão para leitura e a maior parte (169) são indicações dirigidas ao Poder Executivo.

Entre os processos que deverão ser lidos e encaminhados à Prefeitura estão pedidos de pintura de solo, poda e supressão de árvore, instalação de abrigo de ônibus, implantação de botoeiras com sonorizadores em semáforos, serviço de urbanização, revitalização e paisagismo de praça, fiscalização de perturbação de sossego público, entre outros.

Os requerimentos para votação incluem solicitações de implantação de linha de ônibus intermunicipal entre São José dos Campos e São Luiz do Paraitinga, à Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) e informações sobre entrega de correspondência no bairro Pernambuco pela Empresa de Correios e Telégrafos (ECT).

Acompanhe a sessão

As sessões de terça-feira, assim como as de quinta, podem ser acompanhadas pelos munícipes diretamente da galeria do plenário Mário Scholz. Outra opção é assistir ao vivo pela TV Câmara, pelos canais 7 (Net) e 9 (Vivo), a partir das 17h30. Nesse mesmo horário, a sessão é transmitida pelo site do Legislativo, clicando no ícone TV Câmara, e também pelas redes sociais, nas páginas do Facebook, no canal do You Tube e pelo Twitter.

Entenda os termos

Requerimento é um documento usado para fazer solicitações a uma autoridade pública, como a Prefeitura. Também pode ser utilizado para pedir informações ou outras solicitações em geral.

Indicação é um documento feito pelos vereadores para indicar aos órgãos competentes a necessidade de realizar medidas de interesse público. Esse tipo de documento tem a finalidade de sugerir que o órgão tome providências que são de sua competência.

Já a moção é uma proposta de manifestação da Câmara Municipal sobre algum assunto de esfera municipal, estadual ou federal, apelando, aplaudindo ou protestando.


Palavra(s)-chave(s): 38ª sessão ordinária