Câmara tem nova ferramenta de pesquisa de projetos, leis e documentos. Acesse Processo Legislativo.

Notícias

Voluntários do Programa Vizinhança Solidária são homenageados na Câmara

Proposta de homenagem do vereador Marcão da Academia destacou o trabalho da comunidade, da PM e dos Consegs


Voluntários do Programa Vizinhança Solidária são homenageados na Câmara

Público ocupou o plenário da Câmara para acompanhar a solenidade (Foto: Flávio Pereira/CMSJC)

A Câmara prestou uma homenagem a um grupo de pessoas que atua voluntariamente no Programa Vizinhança Solidária em São José dos Campos. Proposta pelo vereador Marcão da Academia (PTB), a homenagem ocorreu na quarta-feira (29), no plenário da Câmara, com a presença do secretário municipal de Proteção ao Cidadão, Antero Alves Baraldo, dos comandantes da Polícia Militar Sadi Fernando Stambowsky (1º Batalhão) e Ulisses Antônio da Cunha Pereira (46º Batalhão) e presidentes regionais do Conseg (Conselho Comunitário de Segurança).

Foram entregues diplomas de reconhecimento aos tutores e colaboradores do Programa Vizinhança Solidária, representantes da Polícia Militar e do Conseg.

Durante o evento, duas alunas do 9º ano da Escola de Ensino Fundamental Antônio Palma Sobrinho fizeram uma apresentação do aplicativo Onde é Seguro?, desenvolvido pelos estudantes. Através do aplicativo é possível acessar números de emergência, fazer boletim de ocorrência on line, pesquisar índice de criminalidade por rua e conferir dicas de comportamento seguro.

O vereador Marcão da Academia destacou que o programa Vizinhança Solidária aproxima a comunidade das forças de segurança pública e tem ajudado a reduzir os índices de criminalidade.

Representando os tutores e Consegs, Célia Farah Diba Caminata falou sobre a experiência dos moradores da rua Teófilo Otoni, na zona sul, onde o programa uniu os moradores, aproximou a comunidade da polícia e fez cair o número de ocorrências.

O comandante Ulisses Antonio da Cunha Pereira agradeceu o envolvimento da comunidade e o comprometimento da Polícia Militar e da prefeitura.

O secretário de Proteção ao Cidadão, Antero Alves Baraldo, disse que o poder público sozinho não tem solução para todos os problemas da vida em sociedade. “Nós, cidadãos, temos que ser parcela da solução dos problemas que nos afligem e a Vizinhança Solidária consegue fazer isso”.

O Vizinhança Solidária é promovido pelos Consegs regionais em parceria com as polícias Militar, representantes de associações de moradores e da Guarda Municipal. O objetivo é melhorar a segurança nos bairros e estimular a vizinhança a adotar medidas para prevenir delitos e colaborar com o policiamento. De acordo com a Polícia Militar, o programa se baseia na união da PM com a comunidade, a solidariedade entre vizinhos e mudança de comportamento para reduzir riscos de ocorrências.


Palavra(s)-chave(s): Vizinhança Solidária