Câmara tem nova ferramenta de pesquisa de projetos, leis e documentos. Acesse Processo Legislativo.

Notícias

Vereadores analisam e aprovam mais de 400 documentos na 45ª sessão

Na tribuna, parlamentares destacaram assuntos relacionados a educação, saúde, política e segurança


Vereadores analisam e aprovam mais de 400 documentos na 45ª sessão

Nove vereadores usaram a tribuna durante a sessão (Foto: Lucas Cabral/CMSJC)

Cerca de 400 requerimentos, indicações e moções foram analisados e aprovados na 45ª sessão ordinária, realizada na noite desta terça-feira (15). Entre eles, a moção 235, apresentada pelo vereador Walter Hayashi (PSC), que critica mudanças no programa Nota Fiscal Paulista que podem prejudicar as entidades sociais.

O plenário rejeitou os requerimentos 3008, 3009, 3010, 3021 e 3022, todos de autoria da vereadora Amélia Naomi (PT). Os documentos solicitam informações sobre a Farmácia Central, o Instituto da Previdência do Servidor Muncipal (IPSM), o CEFE (Centro de Formação do Educador) e a praça Rubens Castilho, no Jardim Estoril.

Na tribuna, nove vereadores usaram o espaço do Pinga Fogo. Entre os assuntos destacados, o Torneio de Robótica Tech Challenges 2017, que reuniu, no sábado, estudantes da região. O convênio entre a prefeitura e o Sesi para a implantação do projeto Atleta do Futuro também foi destaque. Os vereadores também falaram sobre política, saúde e segurança.

A sessão foi encerrada para garantia da segurança, depois que grupos a favor e contra o projeto Escola sem Partido entraram em conflito na galeria do plenário, reservado ao público.


Palavra(s)-chave(s): 45ª sessão