Câmara tem nova ferramenta de pesquisa de projetos, leis e documentos. Acesse Processo Legislativo.

Notícias

Na primeira sessão ordinária, prefeito encaminha projeto de reforma administrativa

Projeto que prevê diminuição de secretarias e corte de despesas deverá ser votado nas próximas semanas


Na primeira sessão ordinária, prefeito encaminha projeto de reforma administrativa

Mais de 40 vetos, propostos pelo Poder Executivo, foram incluídos na pauta e mantidos após votação (Foto: Lucas Cabral/CMSJC)

A Câmara Municipal voltou do recesso parlamentar com uma sessão marcada por debates sobre o projeto de reforma administrativa, apresentado pelo Executivo. A nova Mesa Diretora recebeu das mãos do prefeito Felicio Ramuth, o projeto que chegou à Casa com rito de urgência.

Os PL 21/2017 e PL 22/2017, que tratam da reforma, entraram na pauta e serão analisados pelos vereadores. Alguns parlamentares não abriram mão do prazo de emendas e o projeto não pôde ser votado na sessão desta quinta.

Estiveram presentes na sessão, além de Felicio, o vice-prefeito Ricardo Nakagawa e um grupo de secretários. Anderson Farias, secretário de Governança, fez uma explicação do projeto aos vereadores durante intervalo da sessão.

Segundo a prefeitura, o corte do número de secretarias – de 23 para 14 – deverá ter impacto positivo nas finanças do município. O objetivo é que com a redução haja economia de custos com pessoal, manutenção de prédios, água, luz, telefone, entre outros.

As 14 novas secretarias são: Apoio Jurídico; Apoio Social ao Cidadão; Educação e Cidadania; Esporte e Qualidade de Vida; Gestão Administrativa e Finanças; Gestão Habitacional e Obras; Gabinete; Governança; Inovação e Desenvolvimento; Manutenção da Cidade; Mobilidade Urbana; Proteção ao Cidadão; Urbanismo e Sustentabilidade e Saúde.

Segundo o governo, com a reforma administrativa, será possível economizar aproximadamente 50 milhões durante os quatro anos de mandato com pessoal, energia e outros recursos.

 

Vetos

Mais de 40 vetos, propostos pelo Poder Executivo, foram incluídos na pauta e mantidos após votação. Todos eles podem ser conferidos através do link: https://goo.gl/F0aa5C

 

Cultura

A Comissão de Cultura da Câmara recebeu, logo após a sessão, um grupo formado por membros da cultura de São José dos Campos que ocupou a galeria do Plenário durante a sessão.

Entre as principais reivindicações do Fórum de Cultura de São José, está a definição da situação da Fundação Cultural e a elaboração de um projeto de governo valorizando a cultura local. A Comissão de Cultura na Câmara se comprometeu a encaminhar o caso para a prefeitura.   


Galeria de Fotos

Galeria de Fotos Galeria de Fotos Galeria de Fotos Galeria de Fotos Galeria de Fotos Galeria de Fotos Galeria de Fotos Galeria de Fotos Galeria de Fotos